Realizar várias tarefas ao mesmo tempo é motivo de orgulho para muitas pessoas. O que poucos sabem é que ser multitarefas pode ser mais prejudicial do que benéfico para a produtividade. O motivo: a habilidade pode mexer diretamente com o nosso humor.

Um estudo realizado pela Universidade de Stanford mostrou como reagem pessoas bombardeadas regularmente com informações. Em comparação a indivíduos que preferem concluir uma tarefa por vez, o grupo apresentou maior carga de estresse. Outro ponto é que eles tendem a não controlar muito bem a memória e apresentam dificuldades com mudanças na carreira e integração social.

Você também pode ser uma dessas pessoas multitarefas, ainda mais com tanta tecnologia. Trocas de mensagens enquanto assiste à televisão, checagem de um site para outro enquanto realiza tarefas de casa. Soa familiar, não?

Entenda agora os motivos para não alternar várias atividades ao mesmo tempo.

Você se torna desatento

Quando se é multitarefas, a mente não consegue ficar concentrada. Isso leva a tarefas incompletas ou que são ignoradas. Um exemplo mais comum é quando encontramos novas pessoas durante esse período de aparente produtividade. As chances de se lembrar do nome desse novo indivíduo é de apenas 1%.

Isso acontece porque nos tornamos distraídos ao pensar em várias coisas ao mesmo tempo. A incapacidade de se concentrar pode afetar o pessoal e o profissional, evitando novas conexões profundas com outras pessoas.

Sucessão de erros

Ninguém gosta de errar e isso é um fato. Entretanto, cometer erros pode ser uma consequência da falta de foco de pessoas multitarefas. A explicação se deve a divisão da mente e concentração em vários focos de atividades que geram baixo senso crítico a erros.

A pesquisa de Stanford aponta ainda o quanto é comum para uma pessoa filtrar informações relevante ao executar tantas tarefas. Tal ação pode levar a sobreposição de trabalhos por conta de um disparo mental, logo, maiores as chances de cometer falhas.

Sua saúde mental é afetada

Outra grande desvantagem para quem trabalha em várias ações ao mesmo tempo é a sensação de ansiedade. Os danos, além de psicológicos, podem ser físicos e sociais. Você já parou para pensar quantas vezes verifica as atualizações do celular?

É justamente essa percepção sobre o uso do tempo preso aos aparelhos eletrônicos e demais afazeres do dia que podem explicar o porquê ser multitarefas não é tão positivo.

Queda da criatividade

Dedicando sua atenção para muitas tarefas de uma só vez, você nunca terá memória de trabalho para criar ideias e conceitos que sejam verdadeiramente criativos.

Quando estamos ansiosos, nossos corpos começam a acessar estruturas cerebrais mais primitivas, que são projetadas para nos manter a salvo do perigo e alerta. Quando isso acontece, deixamos de acessar áreas como o lobo frontal, que se adaptou para acessar o pensamento crítico e a criatividade.

Ser multitarefa afeta sua memória

Em 2011, a Universidade da Califórnia, em São Francisco, publicou um estudo mostrando como a mudança rápida de uma tarefa para outra afeta a memória de curto prazo.

O impacto é sempre negativo e se torna cada vez mais aparente à medida que você envelhece. Você consegue lidar com várias tarefas agora, mas não significa continue no mesmo ritmo dentro de cinco ou dez anos. Portanto, é sempre bom cultivar hábitos saudáveis desde sempre.

Quer saber como ser mais produtivo? Confira também como a tecnologia pode melhorar a produtividade.

  • atividades
  • concentração
  • foco
  • multitarefas